Leone Serviços

Leone Serviços
Portaria Limpeza Zeladoria Motorista

Escreva abaixo para pesquisar assuntos tratados neste Site

Google+ Followers

Leia mais Noticias deste Site

quarta-feira, 25 de março de 2009

Segurança

A reflexão sobre segurança, a segurança pública no Brasil mostra claramente que os criminosos, fornecem à população serviços que são obrigações do Estado. Ressalta também que a pobreza não é condicionante da criminalidade e que não existe medida concreta para solucionar o problema, mas que para iniciar um projeto, são necessárias medidas conjugadas como melhoria na qualificação e salários das polícias, agilidade nos processos do judiciário, investimentos em tecnologia e serviços de inteligência, diminuindo os confrontos diretos, mudança drástica no código penal.

Qual a maior preocupação do cidadão Brasileiro, A segurança é maior segundo diversas pesquisas, ocorre em virtude do aumento vertiginoso da violência, tem sido explorada e debatida pelas entidades de classes, rodinhas, e em sua própria casa quando esta em frente a um telejornal, ocorrem exposições de fatos ocorridos, faltando sim debates no sentido de buscar uma solução que resolva esta questão, ao qual, sem dúvida alguma, está entre as primeiras necessidades de qualquer ser humano.

Os problemas de segurança encontrados hoje são muitos e várias são as suas causas, o Sistema imposto pela sociedade, na sua essência deixou de fornecer à população direitos básicos para que possam viver com dignidade, como hospitais, escolas, lazer, moradia e saneamento básico, principalmente para a parcela mais pobre da população que vive nas periferias onde nasce muitas vezes o embrião da criminalidade, oferecendo a oportunidade do crime organizado para se instalar e recrutar membros sem expectativa sócio econômica , criminosos com estrutura empresarial, formando hierarquia organizacional e recrutando soldados colocando-os a frente de suas ações de risco, tudo em virtude do enriquecimento fácil. Um cidadão sem perspectiva de melhora de condição social, revolta-se e encontra no crime uma saída sustentável a sua condição sub – humana, estando diversos cidadãos nesta situação, cria-se um verdadeiro exército paralelo, a serviço do crime. Nasce um jovem embrionário e insensível aos desmandos da situação já formalizada em seu ambiente de moradia.O crime antes um ato isolado e solitário, agora está organizado, hoje sua busca criminosa vai de encontro aos locais e pessoas com maior poder econômico, neste momento que surge as grades em nossas casas impostas pela situação existente.


Lembre-se não somente o que foi apontado aqui causou o embrião da sociedade insegura nunca a criminalidade age sozinho ou diretamente sobre o indivíduo. O fator sobrevivência impera nas rodas da criminalidade, dividas com drogas faz do consumidor na classe media, também um contribuinte pelo aumento da criminalidade, o circulo vicioso torna-se real no momento do consumo pelo usuário de drogas, todo consumidor deveria estar também enquadrado no crime de formação de quadrilha.

Emidio Campos
Consultor de Segurança

quinta-feira, 19 de março de 2009




Como os Homens efetuavam sua segurança no inicio dos tempos



O inicio dos tempos os aparatos foram muitos rudimentares, os meios encontrados para defesa foram sempre os mais variados. No primeiro período, compreendido como Idade da Pedra, a principal forma de defesa era o uso da violência e força física. Sempre colocando em risco o defensor, os instrumentos de proteção eram feitos com pedra e pau serviam de armas contra ataque de animais e pessoas hostis. A principal preocupação era com a preservação da espécie e vivia-se em bando. Já no período Paleolítico, marcado também pelo fenômeno da glaciação (ação exercida sobre a superfície da Terra pelas geleiras), o homem passou a viver em cavernas e tinha como objetivo a defesa do território conquistado, seus bens, companheira e filhos.

Foi nesta época que ocorreu a descoberta do fogo e o homem passou a utilizá-lo como uma das principais formas de defesa contra animais predadores. Na opinião de muitos historiadores foi graças ao domínio do fogo que o homem passou a se diferenciar do outros animais, uma vez que utilizou a razão e a ação sobre a natureza.
No período Neolítico, o homem aprendeu a polir a pedra e produzir instrumentos e armas eficazes como lâminas de corte, machados, serras com dentes de pedra, ossos de animais, entre muitos outros. Aprendeu a agricultura, inventou a cerâmica e passou a viver em grupos denominadas aldeias.

Iniciou-se o grande avanço em relação aos instrumentos de defesa na Idade dos Metais, período compreendido em 7.000 e 1.500 a.C. O homem aperfeiçoa seus instrumentos através do uso da metalurgia, dominou a técnica de fundição dos metais: cobre, estanho e bronze. O ferro só surge no final do período e é dominado somente por alguns povos, que criam armamentos e afirmam sua superioridade militar. Neste período, foram constituídos os primeiros exércitos armados.


A Primeira Lei conhecida CÓDIGO DE HAMURABI





Na antiguidade, a região conhecida como grande área de confronto ficava entre Ásia, a África e Europa. Banhada por dois grandes rios e com constantes inundações, a Mesopotâmia era considerada o local ideal para a produção farta de alimentos. Por esse motivo, foi foco de constantes guerras. Os sumérios que se instalaram na região por volta de 3500 a.C foram dominados pelos arcádios em 2300 a.C, graças ao uso de arcos e flechas. Cerca de trezentos anos depois, foram dominados pelos amoritas (antigos babilônicos), cuja principal criação foi os primeiros códigos de leis escritos da História (o Código de Hamurabi).



As primeiras Armas de Guerra fabricadas Pelos AMORITAS



No século VIII a.C., os assírios desenvolveram armas de ferro, carros de combate e dominaram os amoritas. O combate não foi nada fácil, pois os amoritas eram um povo forte, principalmente porque haviam desenvolvido um poderoso exército, usando armas de ferro, carros de combate e aríetes. Além da Mesopotâmia, dominaram a Síria, Fenícia, Palestina e Egito. Em 612 a.C., foram vencidos por uma aliança de caldeus e medos.

Emidio Campos
Consultor de Segurança

terça-feira, 3 de março de 2009

Frases sobre Segurança

"Podemos escolher recuar em direção à segurança ou avançar em direção ao crescimento. A opção pelo crescimento tem que ser feita repetidas vezes. E o medo tem que ser superado a cada momento.Autor Abraham Maslow

"O inverosímil em matéria de sentimentos é o sinal mais seguro da verdade. Autor Leon Tolstói

"De todas as coisas que possas usar, a tua expressão é, seguramente, a mais importante." Autor John Ruskin

"Pedir demasiado é a maneira mais segura de receber ainda menos do que é possível. Autor Bertrand Russell

"Um amigo seguro revela-se na adversidade.Autor Eurípedes

"As Artes Marciais começam num ponto de harmonia e terminam num círculo de harmonia, o qual contém uma linha de movimentos corretos e exatos." Autor Masutatsu Oyama

"Tenho uma segurança de que poderia me proteger contra as provocações mas de fato há ações mais terríveis que não poderiam ser detidas por nenhuma segurança.Autor Gary Kasparov

"O silêncio saberá proteger-te a voz, como o ninho protege as aves adormecidas." Autor Rabindranath Tagore

"Não quero presentes caros; não quero ser comprada. Tenho tudo o que quero. Só quero alguém que esteja lá por mim, que me faça sentir segura e protegida.Autora Princesa Diana

"Sou uma tartaruga escondida em seu casco, bem protegida. Autora Janis Joplin

"O Estado de São Paulo tem o único presídio no Brasil, o Romão Gomes, com certificação ISO 9000." Autor Elizeu Borges

"Ordem e segurança sem liberdade são a permissividade das penitenciárias. As penitenciárias modernas são mini-cidades, com trabalho remunerado, biblioteca, escola, futebol, cinema, jornais, rádio e televisão. Os infelizes que se povoam têm quase tudo, mas não têm nada, porque não tem liberdade.Autor Ulysses Guimarães

"A segurança aqui está mais rígida até do que alguns dos rostos. " Obs.: Sobre semblantes tensos na platéia. Autor Whoopi Goldberg

"Podem os brasileiros estar seguros de que faremos, com prudência e moderação, as mudanças que a República requer.Autor Tancredo Neves

"A segurança só é necessária nos momentos que sentimos a falta dela. Emidio Campos

Condicionamento e Manual de atividades e Procedimentos

Todos sabemos que o profissional de segurança executa seus trabalhos sobre o MANUAL DE ATIVIDADES E PROCEDIMENTOS, este manual consolida a atividade do segurança como o codigo civil e criminal consolida para o POLICIAL, pois ambas funções executam seus trabalhos sobre regras de atuação, nunca pode-se deixar o bom ou mal senso ditar a atividade do segurança, pois o desempenho tende a ser desuniformizado, onde cada um tem em sua mente, a organização de seus atributos, o condicionamento do profissional de segurança é necessário na continuidade de seus afazeres, pois sua mente deverá estar sempre antenada as possíveis transgressões que podem surgir, todo manual tende a ser modificado temporariamente, pois a continuidade dos afazeres tendem ao comprometimento das eficazes do planejamento da segurança, nunca coloque como norma neste manual afazeres que comprometam a atenção do segurança, atividades ao qual o segurança não foi treinado a faze-lo contribuem ao erro, nunca prejudique as normas de procedimentos, pois coloca o segurança em riste e compromete muitas vezes o trabalho deste profissional.
Muitos assaltos acontecem pelo temor do segurança em interrogar um carteiro, um florista, um entregador de pizza, pois caso sofra demora no artendimento a empresa ou condominio, tende a relatar a punir a demora de atendimento, nestas situações acontece o pior, a rotina transborda e a segurança é engolida pela amabilidade.
Como Fazer uma Segurança 90% Eficaz seguindo estas 3 normas.
1- Criar o Manual de procedimentos
2- Total conhecimento do Manual de procedimentos
3- Não transgredir o Manual de procedimentos.
Emidio Campos :.
Consultor de Segurança

E Mail do Consultor - comercial@leoneservicos.com.br - Skype emidiocampos

Policia Militar de São Paulo

Policia Militar de São Paulo
Apoio Leone Terceirizações

Doação de Orgãos

Faça a campanha em seu condominio
POR QUE DOAR?A carência de doadores de órgãos é ainda um grande obstáculo para a efetivação de transplantes no Brasil. Mesmo nos casos em que o órgão pode ser obtido de um doador vivo, a quantidade de transplantes é pequena diante da demanda de pacientes que esperam pela cirurgia. A falta de informação e o preconceito também acabam limitando o número de doações obtidas de pacientes com morte cerebral. Com a conscientização efetiva da população, o número de doações pode aumentar de forma significativa. Para muitos pacientes, o transplante de órgãos é a única forma de salvar suas vidas.Saiba mais no Site:http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/transplante-de-orgaos/doacao-de-orgaos.php
Divulgação Emidio Campos:. Consultor de Segurança

Evento Jovem Brasileiro

Evento Jovem Brasileiro
Gestor de Segurança Emidio campos

Veja como aumentar a segurança do seu condomínio



Arquivo do blog

Evento Jockey Club

Evento Jockey Club
Leone Serviços

Leone Serviços de Portaria

Leone Serviços de Portaria
Treinamento Israelense

Lei 4591/64 sobre Condomínios

Lei 4591/64 sobre Condomínios
Clique na foto e Leia esta lei